Close

21 de Março de 2018

Você sabe qual a diferença entre Doc e Ted?

Saber a diferença entre Doc e Ted é essencial para quem trabalha com transações bancárias com frequência. Isso porque, dependendo do caso, uma pode ser mais vantajosa que outra. Por conta disso, para conseguir otimizar a sua vida financeira, é preciso ter mente para qual finalidade cada uma é destinada.

O Documento de Crédito (Doc) é uma transação bancária destinada para quem deseja fazer transferências de até R$R$ 4.999,99. Além disso, não são todas as instituições bancárias que podem realizá-la. Somente as que tem autorização do Banco Central que podem fazê-la.

Já a Transferência Eletrônica Disponível (Ted), é uma transação que foi criada em 2002 e que teve mudanças em 2016. Antes, o cliente tinha um valor mínimo para envio. No entanto, após as modificações feitas pelo Banco Central, qualquer quantia pode ser transferida.

Além disso, outra diferença entre Doc e Ted é em relação ao tempo para o dinheiro ser transferido para a conta do destinatário. No caso do Ted, o valor fica disponível alguns minutos depois da transação ser autorizada. Já na modalidade Doc, se a quantia for transferida até 21h59, ela demora um dia útil. Após esse horário, o dinheiro só é disponibilizado depois de dois dias úteis.

Qual vale mais a pena? Doc ou Ted?

As duas transações têm suas vantagens e desvantagens. No entanto, é preciso ter em mente a diferença entre Doc e Ted. Cada uma das opções é mais indicada para um tipo de caso.

Por exemplo, se você ter mais urgência para que o dinheiro caia na conta, o ideal é o TED. Isso porque, o tempo de transferência é apenas alguns minutos após a aprovação da transação.

Agora, se você deseja agendar a transferência, o ideal é utilizar o DOC. Você pode agendá-lo, inclusive, em finais de semana e feriados. Entretanto, a data para agendamento só será disponibilizada para o dia útil seguinte.

Diferenças de taxas

Nesse caso, a diferença entre Doc e Ted vai depender da instituição bancária. Isso porque, o Banco Central não controla as taxas cobradas por essas transações. São os próprios bancos que estabelecem quanto será cobrado por cada uma. Além disso, também podem existir diferenças em relação aos valores transferidos.

No entanto, uma boa dica para não pagar valores muito altos é realizar as transações via internet. Isso porque, as taxas são bem menores do que os depósitos feitos nos Terminais de Autoatendimento (Caixas Eletrônicos). Sem contar na praticidade de fazer a operação sem sair de casa.

Tempo de devolução em caso de contar errada

Nesse caso, a diferença entre Doc e Ted é apenas no tempo de devolução. Ambos estornam o dinheiro caso a conta ou agência seja digitada de forma errada ou, se houver discrepância no CPF ou CNPJ.  Contudo, o tempo para devolução muda de um para o outro

  • TED: O valor é devolvido no mesmo dia, assim que identificado o erro.
  • DOC: Pode levar até dois dias úteis para devolver a quantia.

Em algumas situações, o erro pode não ser identificado. Nesse caso, é necessário entrar em contato diretamente com o dono da conta para que o valor seja devolvido.

1

Pesquise em seu banco

Agora que você já sabe a diferença entre Doc e Ted, não deixe de pesquisar os pacotes ofertados pelo seu Banco. As instituições financeiras oferecem planos com tarifas mensais exclusivas. Com base nesses dados, você poderá verificar qual das operações bancárias encaixa melhor na sua vida financeira.

Quer ter mais algumas dicas de como organizar o seu dia a dia financeiro? Então confira o artigo “Conta Digital: como você pode usar melhor?”.

Confira aqui mais artigos como esse

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *