Close

30 de março de 2018

Empréstimo: todo mundo já fez ou vai fazer um

Imprevistos acontecem. Um mês ruim no trabalho, uma conta extra que surgiu, uma reforma na casa que não pode mais ser adiada. Não importa, se você ainda não solicitou um empréstimo, em algum momento da sua vida você vai precisar.

Atualmente, existem várias linhas de crédito disponíveis no mercado. Cada uma delas é ideal para atender um diferente tipo de situação. Com formas de pagamento mais flexíveis essas modalidades acabaram se popularizando e se tornando uma excelente maneira do brasileiro se livrar do sufoco.

Contudo, é preciso ter cuidado para que o empréstimo não acabe se tornando um pesadelo. Isso porque, apesar de algumas linhas terem juros bem menores, a inadimplência pode se tornar uma grande bola de neve. Por conta disso, o primeiro passo para solicitar esse tipo de serviço é se reeducar financeiramente.

Suas finanças devem sempre estar organizadas, principalmente se você precisa de um dinheiro extra. Dessa forma, você evita que a linha de crédito acabe se tornando apenas mais uma conta. Lembre-se ela deve ser utilizada para acabar com os seus problemas e não gerar mais.

Cuidados para fazer um empréstimo sem risco

Na hora de fazer um empréstimo, é muito importante que você tome alguns cuidados. São pequenas atitudes que muitas pessoas acabam esquecendo de colocar em prática.

  • Sempre leia o contrato ou termo de adesão antes de contratar o serviço;
  • Procure instituições financeiras de confiança. Não solicite a linha de crédito na primeira empresa que achar no Google;
  • Verifique se as parcelas realmente cabem no seu bolso;
  • Escolha um dia de vencimento que você tenha certeza que terá dinheiro no bolso;
  • Se for fazer o empréstimo pela internet, utilize apenas sites e aplicativos oficiais, que tenham os dados criptografados.

Essas são apenas algumas das medidas preventivas que você deve tomar na hora de contratar uma linha de crédito. Lembre-se, são esses pequenos cuidados que fazem a modalidade ideal para quitar dívidas.

Tipos de empréstimo

Existem várias modalidades de empréstimo disponíveis no mercado. Contudo, quatro são mais populares entre os brasileiros. Isso porque, elas oferecem condições melhores para os solicitantes, e são mais fácies de serem solicitadas.

  • Pessoal: Qualquer pessoa pode solicitar, contudo, os valores são limitados e fixos. Além disso, o solicitante precisa passar por um processo de avaliação completo, para só então ter o dinheiro liberado.
  • Consignado: Geralmente é disponibilizado para servidores públicos, aposentados, pensionistas e militares das Forças Armadas. Isso porque, o pagamento é feito por meio de desconto em folha. As taxas são menores, mas as parcelas não podem ultrapassar 30% do total de rendimentos.
  • Cheque especial: A vantagem dessa modalidade é que ela não precisa ser solicitada. O valor é pré-aprovado pela instituição financeira, e fica disponível na conta-corrente do cliente. No entanto, ela possui uma das taxas de juros mais altas do mercado.
  • Digital: É uma linha que surgiu junto com os bancos digitais. É possível solicitá-la diretamente pela internet. Além de ter menores juros, ela dispensa toda a burocracia das outras alternativas.

Cada tipo de linha de crédito é mais adequado para um tipo de caso. Por isso, antes de solicitar, faça um levantamento sobre quais são suas necessidades e quais modalidades se adequam melhor a ela.

Saiba a hora de pedir um empréstimo

Antes de pedir um empréstimo, independente do tipo, lembre-se de calcular a taxa de juros. Se elas forem menores do que as contas originais, a linha de crédito é a melhor opção. Geralmente, pessoas com grandes dívidas no cartão de crédito optam por essa alternativa.

Gostou dessas informações? Então não deixe de conferir o artigo “Empréstimo pessoal em tempos de crise, faz sentido?”

Confira aqui mais artigos como esse

Siga-nos e Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *